Tá na Ita, tá legal!

Vídeo: motorista de ônibus atropela idoso após discussão sobre máscara

Reprodução

Um motorista de ônibus que teria sido repreendido por usar máscara no queixo passou com o veículo sobre as pernas de um passageiro, no fim da tarde de domingo (26), na região do Tremembé, na Zona Norte de São Paulo.

O ônibus da linha Jardim Corisco/Santana, da empresa Sambaíba Transportes Urbanos, passava pela Rua Elias de Almeida, quando o incidente aconteceu.

Imagens de câmeras de segurança mostram um ônibus passando por cima das pernas de um passageiro idoso logo após o desembarque. O idoso foi identificado como Dalcy Cangussu, de 73 anos.

O filho da vítima disse ao site Diário de Transporte que seu pai foi atropelado após discutir com o motorista por causa do uso de máscara contra Covid-19.

O motorista, que não teve o nome divulgado, estava com a máscara no queixo e, de acordo com o relato, não aceitou ser advertido.

Segundo a publicação, o idoso voltava de um bloquinho de carnaval. O filho da vítima disse ao site que o motorista não queria permitir o desembarque e só parou depois do ponto porque uma passageira ia descer. A usuária teria saído antes e quando o homem foi descer, o motorista fechou a porta.

O idoso forçou a porta e conseguiu sair, mas o motorista arrancou com o ônibus, de acordo com relato e as imagens.

O homem se desequilibrou e as rodas do ônibus passaram por cima de suas pernas.

O passageiro de 73 anos foi levado para o hospital e precisou ser transferido para fazer uma cirurgia vascular.

Em nota, a SPTrans informou que cobrou esclarecimentos da empresa Sambaíba que afastou o motorista.  Segundo a SPTrans, a Sambaíba vai ser autuada porque não comunicou a gerenciadora do fato no tempo determinado.

Nota da SPTrans

“A SPTrans determinou à concessionária Sambaíba esclarecimentos sobre o caso, que informou o afastamento do motorista de suas funções. A SPTrans irá colaborar com as investigações policiais no que estiver ao seu alcance. A concessionária tem como obrigação contratual informar a SPTrans de ocorrências envolvendo ônibus do sistema e não o fez. Por esse motivo, ela será autuada. O tipo de conduta apresentada no vídeo não é condizente com a postura obrigatória a profissionais que integrem o sistema municipal de transportes e devem zelar pela segurança e vida de passageiros e terceiros. Dalcy Cangussu, de 73 anos, está internado no Hospital São Luiz Gonzaga com ferimentos graves nas pernas“.

Fonte; Band Jornalismo e Metrópoles