Tá na Ita, tá legal!

Vice-prefeito de Jacareacanga é condenado a 4 anos e 1 mês no semiaberto

O vice-prefeito de Jacareacanga foi condenado pela justiça Federal, a 4 anos e um mês de reclusão. Valmar Kaba Munduruku, foi condenado por ter sido um dos líderes de um protesto violento contra operação realizada em maio de 2021 denominada Mundurukânia no combate ao garimpo ilegal em terras indígenas Munduruku. Durante a manifestação, foi constado atos de violência contra agentes públicos e helicópteros utilizados pelas forças de segurança, deixando dois policiais feridos. Foi realizada por decisão judicial em processo iniciado por ação do Ministério Público Federal (MPF) e pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para a expulsão de invasores de terras indígenas. O prefeito irá responder em semiaberto e perderá o cargo na prefeitura de jacareacanga quando a sentença transitar em julgado, ou seja, quando não houver mais possibilidade de apresentar recursos.

Outros dois líderes dos protestos também foram condenados. Allan Everson Dias Carneiro e José Tiago Correia Pacheco foram sentenciados, cada um, a quatro anos e três meses de reclusão em regime inicial semiaberto.

Fonte: ITA FM, com informações do MPF