Tá na Ita, tá legal!

Suspeitos por roubos a bancos em Colares e Acará são presos pela Polícia Civil

Foto: Reprodução

 

Na tarde de terça-feira (22), a Polícia Civil do Pará deflagrou uma operação, por meio da Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), para cumprir mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão nos municípios de Benevides e Marituba, oriundos de investigações sobre furtos a instituições bancárias das cidades de Colares e Acará.

 

“Após um intenso trabalho de investigação, substanciado em análises de inteligência e levantamentos de campo, foi possível localizar um dos envolvidos, no município de Benevides. Durante a abordagem ao suspeito, outros dois investigados foram identificados e autuados no local”, informou Walter Resende, delegado-geral da PC.

 

O crime, que teve como alvo uma agência de Acará, ocorreu em dezembro de 2022. Em Colares, o furto foi realizado na madrugada do dia 27 de maio deste ano. O Juízo Criminal da Comarca de Colares expediu os mandados que deram início à operação.

 

“A ação foi realizada por agentes da Delegacia de Repressão a Roubo a Bancos e Antissequestro, vinculada à DRCO. Foram apreendidos diversos objetos comumente utilizados em arrombamentos, como furadeira, lixadeira, luvas, pé de cabra, entre outros e uma grande quantia de dinheiro em espécie, além de um carro e uma motocicleta”, detalhou o titular da DRCO, delegado Cláudio Galeno.

 

Ao serem abordados, dois suspeitos apresentaram documentos com indícios de fraude. Após consulta ao banco de dados, foi constatado que ambos são oriundos do estado de Santa Catarina, sendo que um deles possuía um mandado de prisão em aberto em seu nome pelo crime de furto, expedido pela 3ª Vara Criminal da Comarca de Joinville/SC.

 

Os presos foram conduzidos à sede da DRCO para realização dos procedimentos legais cabíveis e em seguida encaminhados ao Sistema Penitenciário do Estado do Pará, onde já se encontram à disposição da Justiça.

 

Fonte: O Impacto