Tá na Ita, tá legal!

Sete brasileiros são condenados em Portugal por tráfico internacional de drogas

Condenados integravam a quadrilha de Major Carvalho (Reprodução / Via Portal UOL)

Justiça portuguesa condenou sete brasileiros por tráfico internacional de drogas. Os réus são: Edmilson Miranda Gomes, de 59 anos, Francisco Gomes Barbosa, de 43 anos, Marcos Antônio Teófilo da Silva, de 48 anos, José Bezerra Pereira, de 68 anos, Janilton Sousa da Rocha, de 41 anos, Wálter Santos de Pontes, de 40 anos, e Marcelo Teixeira de Lima, de 48 anos.

Todos os condenados integravam a quadrilha do ex-major da Polícia Militar do Mato Grosso do Sul, Sérgio Roberto de Carvalho, de 64 anos, o Major Carvalho, conhecido na Europa como o “Escobar brasileiro”, que está preso na Hungria.

A decisão foi tomada pelo Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa, no final do mês passado. A Polícia Judiciária portuguesa afirma que esses brasileiros foram flagrados à 1h55 de 22 de maio de 2019 transportando uma tonelada de cocaína no barco de pesca Wood. A embarcação foi interceptada no Oceano Atlântico, em Cabo Verde, a 4.000 quilômetros de Lisboa.

Seis réus são do Rio Grande do Norte. Apenas Marcelo Teixeira Lima é natural de Tacima, na Paraíba. Edmilson, o piloto do Wood, foi condenado a nove anos, enquanto os demais receberam uma pena de oito anos e seis meses.

Eles chegaram a ficar presos em Portugal até 4 de abril de 2020, mas acabaram soltos porque o prazo de 10 meses de prisão preventiva se excedeu.

Fonte: O Liberal