Tá na Ita, tá legal!

Segurança procurado pela polícia por drogar e estuprar a filha de 8 anos se entrega à polícia, em Peixoto de Azevedo MT

O suspeito foi ouvido e encaminhado ao presídio do município na manhã desta quinta-feira (28).

O segurança, de 31 anos, procurado pela polícia por drogar e estuprar a filha de 8 anos se entregou à polícia, na noite dessa quarta-feira (27), em Peixoto de Azevedo, a 692 km de Cuiabá. A investigação começou após uma denúncia feita pela escola em que vítima estuda. Uma das professoras notou mudanças no comportamento da criança.

Segundo a Polícia Civil, ele foi preso preventivamente e ouvido nesta quinta-feira (28). O suspeito foi encaminhado ao presídio do município.

O pai foi indiciado pelo crime de estupro de vulnerável e a pena pode variar entre 12 a 22 anos de prisão.

Entenda o caso

O segurança é suspeito de drogar e estuprar a filha de 8 anos em uma fazenda. Segundo as equipes, o crime ocorreu entre os dias 3 e 24 de julho, período em que a criança passava as férias escolares com o pai.

O inquérito apontou que o suspeito deu um comprimido para que a filha dormisse e, em seguida, abusou sexualmente dela. Ainda de acordo com as investigações, o homem levou a vítima para a zona rural do município, onde ele trabalhava como segurança.

O delegado responsável pelo caso, Geordan Fontenelle, informou que um exame pericial comprovou um possível estupro ocorrido ainda antes da primeira denúncia.

A investigação começou após uma denúncia feita pela escola. Uma das professoras notou mudanças no comportamento da criança e disse à polícia que a aluna contou que não queria mais entrar de férias.

A equipe de investigação do município informou que o suspeito fugiu do local em que trabalhava nesta quarta-feira (27), após saber do decreto de prisão preventiva contra ele.

 

Fonte: G1 MT

Imagem: Reprodução