Tá na Ita, tá legal!

Programa de Curso de Ensino Técnico e Emprego abre 390 vagas em Santarém, Itaituba e Monte Alegre; inscrições até amanhã (15)

A Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (Sectet), publicou na edição da última sexta-feira (10), o edital do processo seletivo 2022-2 para o ingresso de novos alunos nos cursos técnicos de nível médio na modalidade concomitante e cursos de formação inicial e continuada, todos no âmbito do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Há vagas para as regiões sudoeste e oeste do Pará, nas escolas dos municípios de Itaituba, Monte Alegre e Santarém.

Em Santarém são 60 vagas para os cursos de condutor de turismo em espaços culturais locais e cerimonialista.

Para o município de Itaituba serão ofertadas 190 vagas para os cursos de almoxarife, reciclador, revitalizar de alvenarias, pedreiro de alvenaria estrutural, pedreiro refratário, pedreiro de revestimentos em argamassa. Os candidatos devem ter o ensino fundamental completo.

Em Mote Alegre serão ofertadas 140 vagas para os cursos de técnico em cuidados de idosos, cuidador de idoso, reciclador e porteiro e vigia.

O período da pré-matrícula vai de 10 a 15 de junho, exclusivamente por meio do portal da Sectec, no endereço eletrônico: www.sectet.pa.gov.br. O resultado dos pré-matriculados está previsto para ser divulgado no dia 17 de junho. No período de 20 a 30 de junho, os candidatos aprovados devem confirmar as matrículas. As aulas iniciam a partir do dia 8 de agosto, segundo o cronograma divulgado no edital da Sectec.

 

Bolsa-formação

O Candidato aprovado receberá à título de assistência estudantil, sob a forma de Bolsa-Formação em pecúnia, o valor de R$ 10,00 por dia de aula efetivamente frequentada, referente ao pagamento de transporte e alimentação.

O valor do benefício terá desconto das faltas registradas no Sistec, justificadas ou não, no mês subsequente ao do pagamento. O cancelamento da matrícula, eliminação do aluno ou término no curso ofertado nos termos do edital, implicará no imediato cancelamento da Bolsa-Formação.