Tá na Ita, tá legal!

PM define padrão de armamento para os próximos quatro anos

Reprodução

A Polícia Militar do Pará definiu, nesta quarta-feira (28), o padrão de arma de porte a ser adotado pela Corporação ao longo dos próximos quatro anos. A decisão foi acordada, por unanimidade, pelos membros do Alto Comando, logo após assistirem a uma apresentação técnica realizada pela Comissão Especial de Padronização sobre as vantagens de aquisição da pistola calibre .40 milímetros, da empresa Beretta.

O ato administrativo foi presidido pelo Comandante-geral, Coronel Dilson Júnior e contou com a participação do Chefe do Estado-Maior Geral (EMG), Coronel Ronald Botelho, Diretor do Departamento-Geral de Operações (DGO), Coronel Sérgio Neves, entre outros oficias que integram o Alto Comando.

O Tenente-coronel Nelson, Chefe da Consultoria Jurídica (Conjur), apresentou relatório técnico para esclarecimentos sobre as vantagens de padronizar o armamento utilizado pelos oficiais e praças da PMPA. Para embasar as justificativas de ordem técnica, logística e econômica, foram avaliadas as vantagens diretas e indiretas, sob os aspectos técnico, operacional e financeiro, que deverão ser revertidos para a Corporação.

A pistola do tipo Beretta APX Full Size, calibre .40mm, foi a grande vencedora do processo de licitação internacional que iniciou em 2021. Fabricada na Itália, a pistola Beretta é considerada uma das melhores do mundo e já está sendo utilizada por militares dos Comandos de Policiamento da Capital I e II (CPC I e CPC II) e Comando de Policiamento da Região Metropolitana (CPRM).

“É importante destacar que o preço que nós compramos a pistola foi 385 euros, valor licitado abaixo da Senasp (Secretaria Nacional de Segurança Pública) que a adquiriu por 438 euros. E a gente acordou com a fábrica que os próximos pedidos sejam firmados pelo valor da licitação atual. Dessa forma, se nós comprarmos em 2023 ou 2024 novas remessas, a fábrica vai disponibilizar pelos mesmos 385 euros atuais, independente da cotação do euro”, avaliou o Comandante-geral, Coronel Dilson Júnior.

Fonte: PMPA