Tá na Ita, tá legal!

Paraense suspeito de aplicar golpes é preso em SC; prejuízos podem ultrapassar R$6 milhões

 

Rômulo Robson Cortez de Morais foi preso na última segunda-feira (18), no município de São José, em Santa Catarina, durante a operação “Alta Pressão”. Ele é investigado pela Polícia Civil do Pará por suspeita de aplicar golpes. As autoridades policiais estimam que os prejuízos causados por Rômulo às vítimas podem ultrapassar os R$ 6 milhões.

 

Além do mandado de prisão preventiva contra o suspeito, a Polícia Civil do Pará, em parceria com a Polícia Civil de Santa Catarina, cumpriu também mandado de busca e apreensão expedido pelo Poder Judiciário.

 

Em Santa Catarina, com a confirmação da vigilância policial, policiais da Delegacia de Capturas, da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DECAP/DEIC) e da Diretoria de Inteligência da Polícia Civil do Estado de Santa Catarina (DINT) foram até o endereço atribuído ao suspeito e cumpriram a prisão preventiva.

 

Já no Pará, a Delegacia Especializada em Investigação de Estelionato e Outras Fraudes (Deof) cumpriu mandado de busca e apreensão em uma residência e em um estabelecimento empresarial. Houve apreensão de celulares e veículos automotores.

 

 

Fonte: O Liberal

Imagem: Reprodução/ PCSC