Tá na Ita, tá legal!

Pará tem redução nos crimes violentos, afirma estudo

Foto: Reprodução

 

Dados divulgados pelo Monitor da Violência, os investimentos na segurança pública, qualificação do efetivo e aquisição de equipamentos trouxeram uma redução nos índices de crimes violentos, como revelado pelo Portal G1 em parceria com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

O Pará reduziu sua posição em nove posições no ranking nacional de estados com maiores taxas de violência. Em 2018, o Pará ocupava a quarta posição no ranking das maiores taxas de mortes por 100 mil habitantes. Na época, eram registrados 54,6 mortes a cada 100 mil habitantes. Hoje, o cenário é diferente. O estudo parcial do primeiro semestre de 2023 revela que essa taxa caiu para 11,2 mortes por 100 mil habitantes, colocando o Pará na 13ª posição do ranking.

Segundo o Monitor da Violência, o Pará não lidera mais as estatísticas de mortes violentas e alcançou a segunda menor taxa na Região Norte. Com 11,2 mortes a cada 100 mil habitantes, o estado fica atrás apenas de Roraima, que registra 10,6 óbitos.

Dados revelados mostram que, de janeiro a junho de 2023, houve uma redução de 13,1% nas ocorrências de Crimes Violentos Letais Intencionais em comparação com o mesmo período do ano passado. Um total de 148 vidas foram preservadas no estado.

Segundo o governo do Pará, ao longo dos últimos anos, foram feitos investimentos no fortalecimento das polícias Militar, Civil e Científica, do Corpo de Bombeiros Militar, e ampliação dos efetivos. Além disso, houve operações e ações estratégicas para desarticular o crime organizado. O Programa Territórios pela Paz (TerPaz) também desempenhou um papel nesse cenário de redução da violência, com políticas públicas nas Usinas da Paz.

 

Fonte: Confirma Notícia