Tá na Ita, tá legal!

Pará é destaque na geração de empregos no setor de serviço

O setor de serviços registrou um saldo positivo na geração de empregos no mês de março, com 1.453 postos de trabalho formal, no Pará. Os dados do Ministério do Trabalho indicam que foram 11.931 admissões contra 10.478 desligamentos no estado. O levantamento foi analisado pelo Observatório do Trabalho do Estado do Pará, parceria entre o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) e a Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster).

Titular da Seaster, Inocencio Gasparim destaca que o Pará é o estado da região Norte com maior saldo de empregos no setor, considerando os três primeiros meses do ano. “Encerramos o 1º trimestre deste ano com a geração de aproximadamente 5 mil postos de trabalhos formais. Só em março, foram contabilizados cerca de 1.500 novos empregos só no setor de serviços, setor este que tem ganhado destaque nesse processo de retomada econômica pós pandemia. Os resultados colocam o Pará em 1º lugar no ranking de empregabilidade entre os demais estados da região Norte”, comentou o secretário.

Com o intuito de impulsionar a inserção e reinserção no mercado de trabalho, o programa Qualifica Pará conta com um dos maiores investimentos em qualificação profissional já feitos pelo Estado. São 1.452 turmas e 45 tipos de cursos integrantes do programa, que atenderão, aproximadamente, 60 mil pessoas residentes nos 144 municípios paraenses.

O Qualifica Pará também inclui no seu escopo uma linha de microcrédito voltado aos educandos, para contribuir na compra de equipamentos e na estruturação do primeiro negócio, se houver interesse. O valor do crédito gira entre R$ 500 a R$ 5 mil, e está sob gerência do Banco do Estado do Pará.

 

Fonte: Agência Pará