Tá na Ita, tá legal!

Menino de 7 anos é encontrado morto dentro de casa; irmão é o principal suspeito

 

Desaparecido desde terça-feira, 26, Caio França, de 7 anos, foi encontrado morto debaixo da cama do próprio irmão, de 19 anos. De acordo com as investigações policiais, o jovem é o principal suspeito do crime que ocorreu no Jardim Ângela, na Zona Sul de São Paulo.

 

Conforme os pais da criança, um Boletim de Ocorrência (B.O.) foi registrado pela família após não terem encontrado o menino morto em casa. A mãe da vítima conta que costumava sair para trabalhar pela manhã e deixava a criança, que estava no Espectro Autista, sob os cuidados do irmão mais velho.

 

Ainda segundo o relato, na manhã do desaparecimento, Caio insistentemente pediu para que a mãe o levasse consigo para o trabalho. Assim que o pai dos garotos chegou em casa, pouco depois da saída da esposa, ele não encontrou Caio e suspeitou de que o filho pudesse ter saído.

 

O pai, que pediu pelas imagens da câmera de segurança dos vizinhos, não viu registros da criança deixando a casa. Além disso, o irmão mais velho impediu que os pais procurassem o menino em seu quarto.

 

Irmão mais velho é o principal suspeito

 

A reportagem, exibida pelo programa Balanço Geral da Record TV, revelou que, segundo a vizinhança, o filho mais velho da família possui um histórico de tentativa de um massacre contra uma escola do bairro, em 2019.

 

Quando os policiais estavam realizando a perícia inicial do caso, encontraram no quarto do irmão mais velho um caderno com anotações de cunho violento e criminoso.

 

Descrito como gótico e perigoso, o garoto também é conhecido na vizinhança por supostamente ter ameaçado a mãe com uma faca quando ela estava grávida de Caio. Leia mais Homem mata idoso e usa a cabeça da vítima para fazer transações bancárias por biometria facial Alunos expulsos por atos obscenos serão reintegrados, após autorização da Justiça

 

Fonte: Correio de Carajás

Imagem: Reprodução