Tá na Ita, tá legal!

Justiça concede guarda de capivara Filó a influencer

Imagem ilustrativa da notícia Justiça concede guarda de capivara Filó a influencerAgenor Tupinambá comemora ao lado da capivara Filó. | Reprodução/ Instagram

AJustiça Federal concedeu nesta madrugada, a guarda provisória da capivara Filó ao influencer Agenor Tupinambá. Ele havia entregado o animal ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e desde então estava tentando reverter a decisão do órgão ambiental.

O jovem ficou conhecido por mostrar, nas redes sociais, a rotina com a capivara e acabou sendo multado pelo Ibama em R$ 17 mil. Ele foi denunciado pela ativista da causa animal Luisa Mell, por suspeita de abuso, maus-tratos e exploração animal.

De acordo com um trecho da decisão da Justiça, publicada em uma rede social pela deputada Joana Darc (União Brasil), o juiz plantonista Márcio André Lopes Cavalcante ressaltou que Agenor “vive em perfeita e respeitosa simbiose com a floresta e com os animais ali existentes”.

A decisão diz ainda: “Não é a Filó que mora na casa do Agenor. É o autor que vive na floresta, como ocorre com outros milhares de ribeirinhos na Amazônia, realidade muito difícil de ser imaginada por moradores de outras localidades urbanas no Brasil”.

Com isso, o juiz concedeu a “tutela provisória de urgência” do animal até que o caso tenha um desfecho. Ele determina ainda que o Ibama entregue o animal imediatamente.

Nas redes sociais, Agenor aparece ao lado da deputada comemorando a decisão. “Eu queria agradecer cada um de vocês que está com a gente desde o começo. A vitória é nossa, mais uma vez o amor venceu”, disse o infuencer.

Fonte: DOL