Tá na Ita, tá legal!

Itaituba: Criança indígena morre após ataque de jacaré em Terra Indígena Munduruku

Uma criança de 10 anos morreu, nesta quarta-feira (04), após ser atacada por um jacaré enquanto tomava banho de rio com o irmão.

Foto Reprodução: Redes Sociais

Os garotos moram na aldeia Boa Fé, que fica dentro da Terra Indígena Munduruku, localizado no município de Itaituba, sudoeste do Pará.

Os irmãos estavam tomando banho no trecho do Rio Tapajós que passa pela aldeia quando a vítima foi surpreendida pelo jacaré que chegou por trás e atacou as costas da criança.

O irmão saiu correndo para chamar o pai, mas o animal já havia levado o menino para fundo do rio .O pai da vítima saiu em busca do filho e encontrou, horas depois, no fundo do rio já sem vida.

O Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI), através de uma assistente social, está amparando a família da vítima. O corpo da criança será enterrado nesta quinta-feira (05), na aldeia que pertencia.

O Corpo de Bombeiros Militar do Pará (CBM-PA) informou que não foi acionado para a ocorrência e explicou que, nesses casos, por se tratar de aldeia indígena localizada na zona rural do município, eles não costumam ser chamados por questões de logística e difícil comunicação.

O tenente coronel do CBM-PA, Celso Piquet, analisando as imagens esclareceu que, pelos ferimentos, mesmo sem ter destruído o corpo da criança, não há dúvidas de que se trata de ataque de jacaré. Ele explicou ainda que esses bichos costumam “abocanhar e levar as vítimas para o fundo dos rios, causando a morte por afogamento”.

Fonte: G1