Tá na Ita, tá legal!

Itaituba: Autoridades da educação e segurança pública, se reuniram para discutir planejamento e evitar ataques em escolas

Reunião SEMED e órgãos de segurança do município. Foto: Reprodução

Na tarde desta última segunda-feira (10) em Itaituba, no Sudoeste do Pará, o auditório da Secretaria de Educação do Município (SEMED) foi local de reunião por parte da Educação e outros órgãos.

O intuito foi prevenir que as escolas municipais e estaduais de Itaituba não sejam alvos de atrocidades como temos vistos em outras cidade do Brasil.

 

 

Hamilton Pinho – Secretário de Educação. Foto: Reprodução

Hamilton Pinho, secretário de educação do município, diz que “A ideia é fazer com que as redes sociais hoje, o maior aliado para planejamento dos ataques, possam ser monitorados. Essa reunião é uma roda de conversa, né? Que a SEMED está providenciando não envolvendo somente a educação do município, mas do estado, a escola técnica, pra gente falar sobre, sobre os acontecimentos que tá acontecendo a nível nacional, estadual e nós já nos precavendo. A ideia é tirar daqui a orientação junto aos órgãos de segurança pública, junto aos órgãos de aconselhamento tipo conselho tutelar pra a gente tá conduzindo as nossas ações”, disse.

 

Entre os presentes estavam também representantes da segurança pública como Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e 53º BIS. Durante a reunião foi pedido a ajuda desses órgãos que são aliados principais para o município.

Tenente Coronel Machado – Policia Militar. Foto: Reprodução

“A polícia militar sempre se identificou a prevenção. Nós trabalhamos ostensivamente, preventivamente reprimindo também mais buscando evitar que fatos aconteçam. Crimes aconteçam. E nessa reunião os demais órgãos estão presentes, nós estamos pautando essas questões para buscar soluções. E a polícia vai desempenhar o seu papel, o que já vem fazendo, porém estamos intensificando ainda mais medidas que o comando adotou para tornar os espaços escolares, as escolas, não só para os alunos, professores, todos os funcionários mais seguro”, relatou o Tenente Machado, da polícia militar.

 

O Sargento do Corpo de Bombeiros Beniks Silva aproveitou para falar sobre a Lei Lucas (13722/18) foi sancionada dia 04/10/2018. Essa lei obriga as escolas, públicas e privadas e espaços de recreação infantil a se prepararem para atendimentos de primeiros socorros.

Beniks Silva – Sargento Corpo de Bombeiros. Foto: Reprodução

“O projeto desenvolvido pelo Corpo de Bombeiros tem preparado o corpo docente de Itaituba e regiões vizinhas. Essa rodada de conversa na verdade já vem acontecendo há algum tempo, tanto é que no início desse ano nós fizemos um projeto junto com a Secretaria de Educação que é a questão da Lei Lucas. E faz com que o corpo de bombeiro vá até as escolas e faça todo o treinamento com o corpo docente das escolas pra que eles possam em qualquer situação de emergência de sinistro eles possam estar trabalhando e efetuando um resgate, um salvamento, socorro de uma forma mais adequada, coerente e certa, não só aqui em Itaituba, a gente já fez um caso lá em Jacareacanga semana passada e provavelmente até o final do mês a gente tá indo também pro Tairão fazer esses esse projeto também da lei Lucas alguns dias atrás através da atenção redobrada dos integrantes um possível ataque no município foi previsto. Pensando nessa situação e muitas outras é que o município irá trabalhar empenhado em todas as escolas protegendo o corpo docente, alunos e familiares”, relatou o sargento do corpo de bombeiros.

ITA FM