Tá na Ita, tá legal!

Idosa é presa por furtar calcinhas de loja em Brasil Novo

Idosa é presa por furtar calcinha de comércio, em Brasil Novo - Foto: Reprodução
Idosa é presa por furtar calcinha de comércio, em Brasil Novo – Foto: Reprodução

Uma mulher foi presa pela polícia nesta terça-feira (11), após denúncias de furto em uma loja no centro comercial de Brasil Novo, sudoeste do Pará. O vídeo gravado por câmeras de circuito de vigilância flagrou a cena. A idosa chega sozinha, se aproxima dos manequins e chega a movimentar uma das malas que estão à mostra na calçada. Até então, parecia ser uma cliente de olho nas malas.

Só que a história é bem diferente. A senhorinha, aparentemente indefesa, estava ali para cometer furtos. Em poucos segundos ela encheu a sacola que carregava em uma das mãos com várias calcinhas. Com pouca movimentação por conta do horário, às 08h40 da manhã, a rua e a loja estavam sem movimentação, o que facilitou a ação criminosa.

Assim que a idosa se aproxima da parede onde estão expostas as peças íntimas, ela olha para os lados, finge coçar a barriga, e rapidamente pega algumas calcinhas e volta a tocar nas peças. O vídeo mostra ela pegando a calcinha, segura em uma das mãos enquanto separa outras peças. A ação é rápida, dura menos de 20 segundos. Após pegar tudo ela põe na sacola, disfarça e vai embora.

Ao ver as imagens da câmera os proprietários da loja não acreditaram no que estavam vendo, uma idosa furtando calcinhas. Apesar da idade, o crime estava consumado e a polícia foi acionada. Presa, a mulher foi levada para delegacia onde deve responder por furto.

A idade e o nome da idosa não foram informados pela polícia. O caso inusitado chamou atenção, principalmente porque em menos de duas semanas essa é a quarta mulher detida na cidade pelo mesmo crime.

Na última segunda-feira (10) duas mulheres foram presas, também em Brasil Novo, após câmeras de vigilância registrarem essa cena: as duas furtando caixas de bombons sem nenhuma cerimônia, em um supermercado da cidade. Em um determinado momento uma funcionária aparece ao fundo, mas a presença dela não intimida a dupla, que segue escolhendo os doces e enchendo a sacola.

Após cometer o crime, as duas fugiram, mas foram presas horas depois. Uma foto das duas algemadas na frente da delegacia viralizou na cidade, mas conforme a polícia elas não agiam sozinhas, e contaram com apoio de uma outra suspeita que também foi presa. Em 2022, Brasil Novo, que fica na região Sudoeste do Pará, registrou 183 casos de roubos e furtos na cidade, em 2023, de janeiro até agora, já foram registrados 63 casos.

Fonte: Confirma Noticia