Tá na Ita, tá legal!

Homem que foi baleado na tarde de ontem, tinha antecedentes criminais

O homem denominado Rubenilson Vieira da Silva, que após ser baleado e adentrado na seccional de polícia civil para pedir ajuda, teve sua história revelada pelo delegado responsável pelo caso.

Rubenilson de 35 anos, que segundo informações era mototaxista não legalizado, foi abordado por dois homens em uma borracharia na tarde de ontem (26), após reagir, um dos elementos efetuou mais ou menos 4 tiros na vítima, que imediatamente saiu correndo para a seccional de polícia, sendo seguido por um dos elementos. Ao adentrar na seccional, rapidamente a equipe de socorro do Samu foram acionados e realizaram os atendimentos necessários à vítima que ao dá entrada no Hospital Regional do Tapajós, não resistiu aos ferimentos e veio à óbito. Os acusados fugiram do local.

Na manhã desta Quarta-feira, em entrevista com o delegado Rafael Oliveira, foi declarado que a vítima já tinha antecedentes criminais. Segundo o delegado, Rubenilson Vieira da Silva era presidiário, ele trabalhava durante o dia e a noite voltava para cumprir sua pena no presídio. Mais informações sobre o caso seguem em sigilo, e as câmeras de segurança que registraram a ação, já estão sendo analisados.

 

FONTE: ITA FM