Tá na Ita, tá legal!

Homem é roubado e vai em cana no Pará

Bandidos levaram R$ 8 mil do homem, em Abaetetuba. Ele ficou em silêncio e a polícia descobriu a razão dele não ter registrado.
Bandidos levaram R$ 8 mil do homem, em Abaetetuba. Ele ficou em silêncio e a polícia descobriu a razão dele não ter registrado. | Divulgação

Roubado em uma boa quantia além de pertences de alto valor, um homem morador da rua Cipriano Lobato no bairro Algodoal em Abaetetuba não procurou a Polícia Civil para registrar o fato que ganhou destaque em grupos de redes sociais e a reação estranha logo aguçou o faro da polícia.

A Polícia Civil de Abaetetuba, vinculada à Superintendência Regional do Baixo Tocantins, teve conhecimento então de um roubo ocorrido na residência de um homem conhecido apenas como “José” depois que quatro criminosos encapuzados, se identificando como policiais, teriam entrado na sua casa na madrugada, rendido ele e sua esposa e roubado R$8.000,00 em espécie, além de pertences de alto valores como relógios e um celular.

Chamou atenção que passado o tempo regulamentar ninguém compareceu na delegacia de Abaetetuba para registrar o caso, afinal, foi um assalto que além de roubar dinheiro e bens ainda tiveram que ficar sob a mira de armas.

A equipe da Polícia Civil de Abaetetuba foi averiguar as informações que chamaram atenção pela situação e a quantia de valores subtraídos e descobriu que o dono da casa era José Nazareno dos Santos Junior e contra ele havia um mandado de prisão preventiva da Justiça Federal.

Após isso, a equipe de policiais comandada pelo delegado Egídio, utilizando de ‘estória-cobertura’, descobriu o endereço correto de José Nazareno dos Santos Júnior e conduziu o mesmo para esclarecimento sobre o roubo, e se deu já na delegacia o cumprimento do mandado de prisão.

A polícia acredita que devido a situação que o envolvia, o homem tenha preferido não registrar o fato sendo que agora as investigações sobre o roubo em sua residência passaram a ser averiguadas.

Fonte: DOL