Tá na Ita, tá legal!

Homem é preso suspeito de atirar na esposa após se trancar no quarto com bebê de 9 meses no MT

 

Arma encontrada no quintal da casa que teria sido usada no crime em MT — Foto: Polícia Civil

Joicemara Baltazar de Moraes, de 27 anos, não resistiu aos ferimentos. Marido contou uma versão contraditória à polícia, mas depois confessou o crime.

 

Um homem foi preso, nessa terça-feira (5), suspeito de atirar contra a própria esposa, Joicemara Baltazar de Moraes, de 27 anos, após ter se trancado no quarto da casa onde moravam com a filha de nove meses em Juína, a 737 km de Cuiabá. A motivação do crime teria sido uma discussão no relacionamento, segundo a polícia.

 

A princípio, o suspeito contou à polícia que havia sido assaltado em casa e que ouviu um barulho vindo do quintal, onde teria encontrado a esposa caída no muro com ferimentos de disparos de arma de fogo. Porém, essa versão foi contestada após a polícia e a perícia verificarem que não havia nenhuma terceira pessoa no local.

 

Depois de uma festa com o irmão e a cunhada, o suspeito e a esposa retornaram para casa, quando começaram a discutir e a vítima disse que iria se separar dele. Pouco depois, o suspeito pegou o bebê de nove meses e se trancou no quarto da casa, momento em que a esposa arrombou a porta e ele atirou nela.

 

Em um dos quartos foi localizado um cartucho deflagrado de calibre 32. Do lado de fora da casa foram encontradas outras quatro munições do mesmo calibre, intactas. O calibre, ao que tudo indica, é o mesmo que causou a perfuração no peito da vítima.

 

O suspeito responde por feminicídio e ainda deve ser interrogado. Ele foi encaminhado ao Centro de Detenção de Juína.

 

Fonte: G1MT