Tá na Ita, tá legal!

Helder pede a Lula recursos contra a seca para o Estado do Pará

Fenômenos climáticos como o El Niño e o aquecimento anormal das águas do Oceano Atlântico estão provocando efeitos sem precedentes na Amazônia, como a seca de rios e lagos e uma estiagem jamais vista na região.

Com o objetivo de amenizar os dados causados pelos efeitos da seca na Amazônia O governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), enviou ofício para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva pedindo para que o estado seja incluído na medida provisória que será editada para aliviar os efeitos da seca na Amazônia.

O benefício estava previsto apenas para o estado do Amazonas, mas Helder argumenta que 19 municípios paraenses já decretaram emergência.

O ofício também foi enviado para o vice-presidente, Geraldo Alckmin, e para o ministro da Casa Civil, Rui Costa.

A estiagem na região tem feito rios importantes como Negro e Solimões atingirem mínimas históricas de vazão, com a morte de animais e plantas.

 

Fonte: DOL