Tá na Ita, tá legal!

‘Gaudens Cupuaçu’: chocolate feito no Pará ganha medalha de bronze em concurso internacional

Chocolate com cupuaçu que foi premiado em Londres. — Foto: Reprodução
Chocolate com cupuaçu que foi premiado em Londres. — Foto: Reprodução

O chocolate Gaudens Cupuaçu, criado pelo chocolatier Fábio Sicília, ganhou a medalha de bronze no concurso mundial da Academy of Chocolate de Londres. O evento foi realizado no mês de dezembro e o resultado foi divulgado no último dia três de janeiro.

De acordo com Fábio, o produto é único e o reconhecimento possibilita a verticalização não só do chocolate e do cupuaçu, mas de outros produtos, como o bacuri e o açaí.

“Esse concurso potencializa não somente o cacau, mas todo o nosso agronegócio. A premiação do chocolate Gaudens Cupuaçu traz visibilidade internacional com possibilidade de exportação”, diz o chocolatier.

 

Ao g1 Pará, Fábio, que também é chef de cozinha, compartilhou que esta foi a primeira premiação que o chocolate recebeu, desde que a Gaudens foi criada, em 2012.

Apesar da data de fundação da marca, Fábio já trabalhava com a criação de chocolates desde 2004 e encontrou na incorporação de frutos amazônicos uma forma de destacar a produção regional no principal quesito: o sabor.

Chocolatier criou produto premiado internacionalmente. — Foto: Arquivo pessoal

Chocolatier criou produto premiado internacionalmente. — Foto: Arquivo pessoal

Ele ainda contou que outro destaque no consurso foi o chocolate com bacuri. “Ele não chegou a ganhar, mas foi reconhecidíssimo, mesmo sendo tão ‘incomum’ para quem é de fora. Acredito que o bacuri é a fruta do futuro“, pontuou.

Fábio se prepara para participar de outro evento, o Salon Du Chocolat, em Nova York, que terá apoio do governo do estado através do Sebrae.

“O Pará tem muita qualidade na fabricação de chocolate e amêndoa e nós temos hoje a possibilidade de apresentar ao mundo”, comenta o secretário de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap), João Carlos Gomes.

Fonte: G1