Tá na Ita, tá legal!

Foragido por matar soldado da FAB é preso em Belém; o crime ocorreu há 13 anos

 

Um homem foragido da Justiça há 13 anos após invadir em Belém um quartel da Aeronáutica e matar um militar foi capturado e preso em Joinville, Santa Catarina. A prisão do homem, de 33 anos, ocorreu no último dia 12.

 

O foragido foi condenado na Auditoria Militar de Belém a 24 anos de reclusão, em regime fechado. O crime ocorreu em 8 de dezembro de 2010, em Belém.

 

Três homens maiores de idade e um menor conseguiram entrar no quartel através de um muro danificado. Observaram por um tempo e viram que a vítima, um soldado, parecia sonolenta.

 

Após perceberem que o soldado estava com os olhos fechados, rapidamente se deslocaram na direção da guarita e imobilizaram a vítima. A pistola do militar foi roubada e com a própria arma, um dos acusados atirou na cabeça do soldado, que morreu na hora.

 

Julgamento

 

Os três civis foram condenados a 24 anos de reclusão, em dezembro de 2013. A Auditoria de Belém acusou os quatro homens, mas o Conselho Permanente de Justiça absolveu um dos réus, por falta de provas, e condenou os demais.

 

Fonte: G1