Tá na Ita, tá legal!

Falso advogado é preso após golpe de R$ 30 mil em idosa, no Pará

Wendel da Silva Sidrim, de 43 anos, foi preso na última quarta-feira (06), em Belém. O criminoso, bacharel em Direito, atuava como advogado, mesmo sem licença para tal.

Uma idosa de 81 anos, com doença de Parkinson, teria sido uma das últimas vítimas do estelionatário, que conseguiu roubar cerca de R$ 30 mil da conta bancária da mulher. O caso foi registrado na Seccional da Sacramenta.

A idosa tinha uma conta conjunta no banco, com a sua irmã, que faleceu recentemente. Com isso, foi necessário acionar a Justiça para que a mulher tivesse acesso aos valores depositados na conta. Sendo assim, ela contratou os serviços de Wendel. O homem dizia ser advogado e assumiu o caso da vítima, que confiou nele e repassou todas as informações necessárias para acessar a conta.

O falso advogado, que tenta desde 2008, sem sucesso, passar na prova da OAB, conseguiu dar o golpe na vítima, que perdeu cerca de R$ 30mil.

Ao identificar o golpe, familiares da idosa contrataram novos advogados. O estelionatário foi preso enquanto estava na seccional da Sacramenta, prestando serviços como advogado.

Fonte: O Liberal