Tá na Ita, tá legal!

Desaparecida há 5 dias, idosa que sofria de Alzheimer é encontrada morta e sem roupa no Pará

Peritos da Polícia Científica do Pará em Castanhal, nordeste paraense, foram acionados após um corpo, em avançado estado de decomposição ter sido encontrado em uma área de mata no município de Maracanã, também no nordeste do Estado, nesta quarta-feira, 14. De acordo com os agentes, o corpo encontrado é da dosa Inês Monteiro Piedade, 78 anos, que estava desaparecida há 5 dias em mata e foi encontrada morta. Além disso, de acordo com os peritos, a vítima pode ter sido abusada sexualmente.

Os peritos encontraram o corpo na região de São João do Seco, no campo das Mangabas. Após identificação, o corpo também passará por procedimentos de necrópsia e levantamento de local de crime.

De acordo com informações, a vítima que sofria de Alzheimer, desapareceu no último sábado, 10, e foi encontrada hoje em uma roça às proximidades do igarapé do Amor, nas redondezas de matas. Conforme informou os peritos, a vítima estava despida na parte de baixo e com suspeitas de abuso sexual. O corpo está no IML de Castanhal, onde novas pericias serão realizadas para confirmar se realmente foi um crime com requintes de crueldade.

Na tarde de ontem, 14, moradores da comunidade de São João do Seco, realizaram uma manifestação, pedindo justiça e providências na apuração dos fatos.