Tá na Ita, tá legal!

Crueldade: homem mata e estupra criança recém-nascida em Novo Repartimento

Um homem identificado como Domingos Rodrigues da Silva foi preso em flagrante na manhã desta segunda-feira, 11, acusado de estuprar e matar a filha de apenas 40 dias de vida, no município de Novo Repartimento, na região sudeste do estado. A pequena Maria Alice Rodrigues Santos foi encontrada sem vida, no início da tarde de domingo (10), em cima da cama dos pais, o casal Domingos Rodrigues da Silva e Gildete Santos Silva. A Polícia de Novo Repartimento tem até 30 dias para apresentar a conclusão do inquérito.

Laudo preliminar 

Segundo a investigação, o delegado Robson Mendes, titular da Delegacia da cidade, recebeu na manhã desta segunda-feira, 11, o relatório preliminar do Instituto Médico Legal de Tucuruí (IML), para onde o corpo da bebê foi levado, e aponta como causa da morte sufocamento provocado pela obstrução da boca e nariz da recém-nascida.

Ainda segundo informações, o laudo preliminar apontou violência sexual no corpo da bebê, o que pode ter contribuído para evolução da morte.  Constatou-se violência sexual no corpo da bebê, o que pode ter contribuído para evolução da morte. Conforme o relatório preliminar, é evidente lesão no ânus e fissuras na região anal, dentre outras lesões.

Prisão

Domingos Rodrigues foi preso em flagrante. O delegado apura se a mãe da criança tem envolvimento no crime. Ainda no último domingo, 10, o acusado contou outra versão, ele afirmou que chegou em casa por volta de 6h e os dois estariam dormindo na cama com a criança. Por volta de 13h, o homem teria acordado e encontrado a bebê morta.

 

Fonte: Jota Parente/DOL